Processed with VSCO with hb1 preset

Tudo sobre a minha viagem à África do Sul! Parte 1

Oba! Finalmente o post contando tudo sobre minha viagem à África do Sul! Minha gente, vou dizer viu, uma certeza que eu tenho na vida é que é um dos lugares mais LINDOS que eu já conheci! As belezas naturais são incríveis, as pessoas são M-A-R-A-V-I-L-H-O-S-A-S, povo receptivo e super acolhedor, em todo lugar que íamos as pessoas estavam sempre com um sorriso no rosto e nos recebiam muito bem. A culinária é ótima, muito frutos do mar, massas, sem falar nos Vinhos Africanos que são muito bons!

Enquanto no video que fiz pro Youtube eu falo sobre os voos, malas, hospedagem, como troquei dinheiro, compra de chip e pacotes de viagem. Video este que para assistir é só clicar aqui. Neste post farei um breve (e detalhado) resumo dos dias que passamos nesta bela terra.

Dia 1:

Pegamos o voo em Guarulhos e chegamos no dia seguinte de manhã em Cape Town, ou Cidade do Cabo como é bastante conhecida (é a tradução). Fizemos o check-in no Mojo Hotel perto da hora do almoço, nos arrumamos e fomos conhecer o W&A Waterfrot que é um complexo cheio de lojas, restaurante e bares, onde tem o Porto e onde encontramos um grande shopping center e o aquário Two Oceans Aquarium. 

#dica: Infelizmente não conseguimos comprar os tickets na bilheteria em Waterfront para ir na Robben Island que é a prisão onde Nelson Mandela ficou preso. Se você quiser conhecer, sugiro que compre com antecedência nesse site aqui que é o site oficial. Como eu não sabia que esse passeio para a ilha era tão disputado, deixei pra comprar lá quando chegasse e acabei não conseguindo. Então, #ficaadica pra vocês.

Algumas fotos no W&A Waterfront pra vocês verem como é lindo lá:

africa 01.001

Torre do relógio.

africa 3

IMG_3210

africa 2.001

Eu e Deco com a Roda Gigante em Waterfront de fundo, para adquirir os tickets para andar nela basta acessar o site oficial clicando aqui. Ao lado eu e o pombo branco, muito comuns na área por conta do porto.

IMG_3595

IMG_3948

Moldura com a incrível Table Mountain ao fundo!

Processed with VSCO with hb1 preset

IMG_3591

A noite jantamos no Belthazar Restaurante & Wine Bar que fica em Waterfront mesmo. Comida deliciosa!

Dia 2:

No dia seguinte, acordamos cedo, alugamos um carro lá mesmo na Avis que é uma agência de aluguel de carros (Atenção: lá na África do Sul é como na Inglaterra, o motorista fica do lado DIREITO do carro hehehehe) e pegamos a estrada para ir até o Cape of Good Hope (Cabo da Boa Esperanças), Cape Point e Boulders Beach (que é a praia dos Pinguins). Fizemos um bate e volta, fomos de manhã e voltamos a noite.

Primeiro destino: Colocamos no Waze e nossa primeira parada foi no Cabo da Boa Esperança. A entrada no Parque Nacional custa 135 Rands que é a moeda local (da mais ou menos 33 reais, na época que eu fui, 1 real=4 Rands). Na estrada para o Cabo da Boa Esperança é bastante comum você encontrar Babuínos que é uma espécie de macacos, geralmente eles andam em bandos mas são perigosos, não se deve chegar perto ou dar comida a eles (apesar de que a minha vontade era sair do carro e tirar foto com eles porque achei super fofos! Mas não pode de jeito nenhum por eles serem agressivos). Além dos macacos, no caminho, a beira mar, na estrada para Cape Point, vimos avestruzes (sim, avestruzes a beira mar! Que louco né? Só na África do Sul mesmo heheheh). Paramos, tiramos uma foto e seguimos viagem com uma paisagem belíssima vendo o mar SUPER agitado/forte fazendo jus ao nome de antigamente Cabo das Tormentas. Chegamos na famosa placa para bater aquela foto de turista empolgado, na placa tem escrito que estamos no extremo meridional do continente africano localizado ao sul da Cidade do Cabo (o que não é verdade porque na verdade esse título de ponto mais extremo pertence ao Cabo Agulhas).

IMG_2054

Babuínos e Avestruzes na estrada.

IMG_3603

Entrada do Parque Nacional onde você paga os 135 Rands e tem acesso ao Cabo da Boa Esperança e Cape Point. Saí do carro e pedi pra Deco tirar foto de dentro mesmo só pra mostrar a vocês como é a entrada lá. 😀

IMG_3945

Sim, na época que eu fui tava fazendo frio e ventando MUITO no Cabo da Boa Esperança, quase congelo hehehehe.

IMG_3918

Foto clássica na famosa placa!

Segundo destino: Seguimos caminho no mesmo parque nacional e chegamos a Cape Point. Lá é a ponta ocidental sul do Continente Africano. Você pode subir a pé, pegar uma van ou o funicular para subir pouco mais de 200 metros até o farol. Lá de cima a vista é uma coisa de linda!! Aproveite para tirar fotos incríveis! Estava ventando tanto que fiquei com medo e fui andando o tempo todo agarrada nas paredes.

IMG_3839

Mais uma foto da série ‘tem que ter’ na famosa placa de Cape Point.

IMG_2056

Já lá em cima ao lado do farol.

IMG_3916

QUE VISTA!

Terceiro destino: Saímos do Parque Nacional e na volta para Cape Town paramos em Boulders Beach que é a famosa praia dos pinguins. Lá você paga uma taxa para ter acesso ao deck onde você consegue ver os pinguins, não se pode tomar banho de mar com eles nem se tem acesso à areia. Também não se deve alimentar nem tocar nos bichinhos. O caminho até chegar ao deck de observação é bem legal porque você passa por ‘dentro de um lugar como se fosse feito de árvores de mangue nascidas em areia e sem lama’ onde você já começa a ver os pinguins e consegue ver também vários ovos e as ‘casinhas’ deles.
IMG_3863

Boulders Beach, linda <3.

IMG_3867

Não aguento esses pinguins não <3

IMG_2057

Eu e Deco em um dos decks de observação dos pinguins, o outro você consegue ver lá trás entre nós dois nessa foto.

IMG_3914

A foto mais próxima e sem tumulto que eu consegui com os pinguins fofinhos <3.

#dica: Na volta para Cape Town, não deixem de voltar pela Chapmans Peak Drive, é um estrada com vistas surreais de tão lindas! São 114 curvas e 9km, existem alguns pontos de parada ao longo da estrada e o principal deles é o Chapman’s Peak, de onde se pode apreciar uma vista bem ampla do mar.

Chegamos em Cape Town já no começo da noite e fomos em Waterfront jantar no Willoughby & Co., restaurante que amei e super indico!

Dia 3:

Dia de explorar Cape Town! Como tínhamos alugado o carro no dia anterior, resolvemos ficar mais um dia com ele e passear pela cidade. Foi uma opção nossa, mas você pode tranquilamente ficar andando de Uber por lá, funciona muito bem e não é caro (viagens pelo centro custam entre 5 e 10 reais). A cidade é rodeada por lindas praias, pena que tava no inverno e não pudemos tomar banho de mar, mas fomos mesmo assim até lá conhecê-las. Estacionamos o carro na Avenida e descemos até Clifton Beach, que na verdade é uma série de 4 praias separadas por trechos de pedras. Adiante depois de Clifton Beach, chegamos a Camps Bay, uma das praias mais famosas de Cape Town, é de lá que vemos a famosa formação rochosa conhecida como Doze Apóstolos. Em sua orla encontramos restaurantes, bares, lojinhas. Esta região é uma das áreas residenciais mais caras da cidade.

IMG_4193

IMG_4118

Clifton Beach

IMG_4154

IMG_2079

Clifton Beach

IMG_4385

Camps Bay com a formação rochosa Doze Apóstolos ao fundo <3. Surreal de lindo!

IMG_4348

Na orla de Camps Bay

Depois das praias fomos finalmente conhecer o principal ponto turístico da cidade: a Table Mountain! Uma das Setes Maravilhas Naturais do Mundo, essa montanha tem uma vista da cidade inteira. É de tirar o fôlego! Você sobe por um teleférico onde a parte interna gira e você consegue ter uma visão 360 graus durante a subida, uma coisa de linda! Dá um friozinho na barriga mas é massa! Confesso que fiquei com medo, mas deco me protegeu! Compre os tickets online aqui. O ticket é válido por 7 dias contando do dia que você comprou!

IMG_4553

africa 4.001

IMG_4519

Todas as fotos são do topo da Table Mountain. De longe uma das vistas mais lindas que já vi na minha vida!

IMG_9260

#dicadavidaemcapetown: Se você acordar e estiver fazendo sol, o céu estiver limpo e com pouco vento, você primeiro ajoelha e reza para agradecer, depois corre direto pra Table Mountain (kkkkk), pq ela vive fechada por motivos metereológicos.

Outra dica é ficar de olho no tempo para ver o pôr do sol em Signall Hill, que dizem que é fantástico mas infelizmente não deu tempo da gente ir! #ficaadica.

Dia 4:

Nosso último dia em Cape Town, partiríamos no dia seguinte cedo para Johannesburgo. Nesse último dia decidimos ir para uma das tantas Vinícolas que ficam região de Cape Town. Escolhemos a Groot Constantia, que é a mais antiga da África do Sul. Pegamos um Uber e fomos de manhã, chegamos na hora do almoço, almoçamos em um dos restaurantes (o outro é mais lanche) que tem lá e depois conhecemos a Vinícola. Fizemos um passeio pra conhecer o processo de produção de seus vinhos e em seguida a degustação dos vinhos da marca. O lugar é enorme e lindo, e o vinho maravilhoso! Voltamos já no início da noite para Cape Town, jantamos perto do hotel e dormimos cedo para viajar no outro dia.

africa 7.001

No restaurante da Vinícola.

IMG_4688

IMG_4694

Uma pena que tava frio e os parreirais sem uvas.

IMG_4776

IMG_4779

Ah, quando você paga pela degustação, você leva de presente a taça personalizada da Vinícola <3.

Gostaram das dicas? Qualquer dúvida é só falar comigo no Instagram {@alinelimaa}! Pro post não ficar tão gigante, resolvi dividir em duas partes. No outro post contarei sobre o Safari que eu fiz e o dia que passei em Johannesburgo!

Beijos,

Aline.

talher

Onde comer em São Paulo – Parte 01

Como prometido, finalmente o post com opções de lugares pra vocês comerem em São Paulo! A cidade tem uma infinidade de restaurantes maravilhosos, toda vez que vou lá tento ir em um diferente pra conhecer a diversidade gastronômica da cidade. Tá bem longe de eu conhecer a grande parte dos restaurantes de lá, mas com base nos que eu fui, separei pra vocês os meus favoritos! O post vai ficar grande mas bem completo. Coloco foto do lugar, endereço, telefone, horário de funcionamento… Até os pratos que pedi e amei! Tudo bem explicadinho pra vocês. Então vem comigo saber os que eu amo!

BAGATELLE

baga 1

baga 2

baga 3

Sobre o restaurante: “À primeira vista, parece uma balada — e, de fato, é. Os brunchs nos domingos com DJs são concorridos (é preciso reservar mesa), e a maior parte do público vai a fim de dançar e beber. Como manda a tradição da matriz, em Nova York, porém, a cozinha do chef Gustavo Young agrada da entrada de coxinhas de galeto e shiitake aos pratos principais clássicos, como o filé alto ao molho bernaise servido no ponto certo com espinafre e batata frita sequinha de acompanhamento. Para turbinar as energias para a festança pós-jantar, vá de tarte tatin”.

Minha gente, fiquei apaixonada por esse lugar! Diferente de tudo que eu já fui. Quando vai dando certa hora da noite, a música começa a aumentar, as luzes a piscar, as pessoas sobem em cima das cadeiras e vira uma verdadeira baladinha! Achei massa! Fomos jantar e acabamos ficando pra aproveitar a balada. Pedi de entrada a Coxinha de frango com shitake {maravilhosa} e de prato principal Arroz com Camarão. Se conhecer o Bagatelle tem que mandar email pedindo pra fazer reserva, se você chegar lá sem reserva, dificilmente vai conseguir ficar.

O restaurante fica na Rua Padre João Manuel, 950, Jardins. Tel: (011)3062.5870. Horários: Terça e Quarta 19:00 a 01:00 / Quinta a Sábado 19:00 as 02:00 / Domingo 14:00 as 20:00. Email para reservas: SaoPaoloReservations@bistrotbagatelle.com

SPOT

spot 3

spot 1

www.tbfoto.com.br SPOT - SP/SP - 01/06/2009 Foto: Tadeu Brunelli ATENÇÃO: Toda foto deve ser publicada com o crédito do autor, de acordo com a Lei Nº 9.610 de 19/02/1998.

Sobre o restaurante: “Desde 1994, o Spot apresenta delícias da cozinha contemporânea em um ambiente descontraído, a menos de um quarteirão da Avenida Paulista. Com fachada toda em vidro, está instalado em meio a uma grande praça com fonte iluminada e tem seu projeto arquitetônico assinado por André Vainer.

Frequentado por um público moderno e variado, o Spot reflete a agitação cultural e fashion da cidade. No horário do almoço, executivos e empresários da região tomam conta de seu salão. Em suas animadas noites, artistas, atores e jornalistas apreciam os drinks, as entradinhas, e batem papo na área externa enquanto aguardam por suas mesas.

Leve e criativo, o cardápio traz influências que vão desde lembranças de infância, até experiências de inúmeras viagens de seus sócios ao redor do mundo. Alguns de seus pratos são sucessos desde a inauguração, com destaque para o Penne com melão e presunto cru, a Terrine de queijo de cabra com legumes e a Salada Spot”.

Um dos meus preferidos com certeza. Ambiente agradável, descontraído, good drinks e comida incrível! Pedi truta {meu peixe favorito, pena que em Recife não tem} com batatas touraine {vulgo batatas em cubinhos fritas na manteiga}, parece simples mas foi um dos pratos mais gostosos que já comi na vida!

O restaurante possui duas unidades:

1- Paulista: al. ministro rocha azevedo, 72 +55 11 3283-0946 / almoço: seg a sex 12h-15h /sáb, dom e feriados 12h-17h /jantar: seg a sáb das 19h30-1h e dom das 19h30-24h

2- JK: shopping JK iguatemi +55 11 3079-3448 / almoço: seg a sex 12h-15h /sáb, dom e feriados 12h-17h /jantar: dom a qui 19h-23h e sex a sáb 19h-24h

SERAFINA

serafina 4
serafina 2

serafina 3

Sobre o restaurante: “O Restaurante Serafina foi criado quando, perdidos no mar, os italianos Vittorio Assaf e Fabio Granato fizeram um pacto: se sobrevivessem àquela grande agonia, os dois amigos abririam um restaurante com a melhor pasta e a melhor pizza do mundo”.

Em 1995, realizando a promessa, inauguraram o aclamado Serafina Fabulous Pizza, em Manhattan, que logo estabeleceu-se como ponto de encontro de pessoas que apreciam a boa culinária italiana em um ambiente descolado. Os ingredientes usados no Serafina são de primeira qualidade, sendo 70% importados da Itália”.

Restaurante italiano né mores? Um dos melhores que já fui. Ambiente aconchegante e familiar, a comida sai super rápido {mesmo com o restaurante cheio} fiquei impressionada quando fui! Comi uma massa chamada Spaghetti Alla Provenzale, que é espaguete com camarões puxados com alho e vinho branco e um toque de molho pomodoro, só digo uma coisa: dos deuses! Me senti na Itália real!

O restaurante possui 3 unidades em São Paulo, a que eu fui {que é a das fotos que postei aqui} foi a unidade Jardins.

1- Serafina Jardins / Dom a Qua: 12h à 00h / Qui a Sáb: 12h à 01h / Alameda Lorena, 1.705 / Tel.: (11) 3081.3702

2- Serafina Itaim / Seg a Qui: 12h à 00h / Sex e Sáb: 12h à 01h / Dom: 12h às 23h / R. Pedroso Alvarenga, 1.051 / Tel.: (11) 3079.1391

3- Serafina Jk / Seg a Qua: 12h às 15h | 18h às 23h / Qui e Sex: 12h às 15h | 18h à 00h / Sáb: 12h à 00h / Dom: 12h às 23h / Av. Pres. Juscelino Kubitschek, 2041, Térreo / Tel.: (11) 3849.0636

CHEZ OSCAR

chez 3

chez 1

chez 2

Procurei no site oficial do Restaurante a descrição pra colocar aqui mas não achei. Então peguei a do google que diz: “Ênfase em pratos italianos, sanduíches e drinques, em bar e restaurante com decoração rústico-contemporânea”.

A decoração é mesmo mix de moderno com rústico, o ambiente é super agradável e lindo! Pedi um Risotto negro de frutos do mar com lula, polvo, camarão e mexilhão, o melhor risoto negro que já comi!

O restaurante fica na Rua Oscar Freire, 1128, Jardins. Horários: Segunda a sábado das 12:00 até 01:00. Domingo das 12:00 até 22:00. Tel: (11) 3081.2966.

MAMMAGIORE

mama 1

mama 2

mama 3

Sobre o restaurante: “O Mamaggiore é o seu mais novo restaurante de comida italiana contemporânea na Vila Leopoldina em São Paulo. Com o conceito de slow food promove o convivium, palavra latina que significa “um festim, entretenimento, um banquete”.

Com a proposta de resgatar o prazer em comer bem. O Mamaggiore cuidou de cada detalhe para te proporcionar o melhor ambiente, digno das vilas italianas, quadros pintados pela mamma, iluminação aconchegante, móveis confortáveis, louças e guarnições impecáveis, serviço atento e cuidadoso.

Para momentos inesquecíveis, com alguém especial, com a família e com os amigos, saboreie nossos pratos preparados por pessoas apaixonadas pela vida, deguste bons vinhos e sinta o deleite de nossas sobremesas maravilhosas.

Tudo para você elevar o espírito, agradar o corpo, e expressar aquele sorriso de satisfação plena”.

Mais um restaurante de massa maravideuso pra vocês conhecerem! Pratos que já pedi e SUPER recomendo: Linguado em Crosta, Linguado grelhado em crosta de pão de alho com risoto de limão siciliano; Truta Grelhada ao molho de amêndoas laminadas com risoto de alho poró. Já deu pra perceber que amo uma truta né? <3 Se tiver na época de Tangerina, peça o suco lá, é da fruta MESMO e sempre é bem docinho. Esse lugar é meu xodó, sempre que vou pra SP tento comer lá!

O restaurante fica na Rua Carlos Weber, 594, Vila Leopoldina, São Paulo. Horários: Seg – Sex | 12hrs/15hrs – 19hrs/23hrs – Sab | 12hrs/17hrs – 19hrs/00hrs – Dom | 12hrs/18hrs. Tel: (11) 3644-3364.

MARGHERITA PIZZERIA

mar 1

mar 2

mar 3

Descrição do google sobre o restaurante: “Pizzas gourmet e diversidade de recheios clássicos, a casa tem amplo salão com ar sofisticado, porém casual”.

Gente, quem assistiu o meu vídeo no youtube ’50 fatos sobre mim’ {não assistiu? clica aqui}, vai achar super estranho eu colocar uma pizzaria entre os meus restaurantes favoritos de SP hehehehe. Vou explicar. Vocês sabem que eu não como pizza porque eu não como queijo, mas em Sampa é diferente. As pizzas das pizzarias de lá não são iguais a de Recife pelo simples fato de que só vem queijo na pizza se o sabor dela tiver queijo, a pizza de calabresa é só calabresa, a de atum é só atum, em Recife esses sabores em todos os lugares vem além de tudo queijo também. A Margherita é uma pizzaria que eu amo! Você pode escolher a massa mais fininha ou mais grossa, e eu sempre peço de atum ou calabresa, ela vem MEGA recheada, é calabresa real. Não é igual aqui que vem 5 rodelas de calabresa e monte de queijo 😀 Se você toma bebida alcólica, experimente a Sangria de lá que é maravilhosa!
O restaurante fica na Alameda Tietê, 255 – Jardins, esquina com a rua Haddock Lobo, 1255. Tel: 11 2714-3000. Horários: Domingo, 2a e 3a feira – 18:30h à 00:30h / 4a e 5a feira – 18:30h à 1:00h / 6a Sab. e Véspera de feriados. – 18:30h à 02:00h
nobile 1

Beach Class Fortaleza by Nobile

Quem me acompanha viu que no fim de mês de Maio aconteceu o Dragão Fashion Brasil em Fortaleza no Ceará e eu fui conferir de pertinho a semana de moda Cearense. Para dias tão corridos, nada melhor do que se hospedar num lugar onde a gente se sinta em casa! Passei dias maravilhosos no Beach Class Fortaleza by Nobile, lugar excelente para você que gosta de praticidade e vai passar alguns dias em Fortaleza. Os apartamentos de 02 quartos possuem 56m², distribuídos em uma suíte com cama casal e outro quarto com cama de solteiro, sala de jantar, cozinha americana completa com fogão, geladeira, microondas, utensílios e uma vaga na garagem cortesia. Todos os quartos e sala são equipados com TV LCD de 32” e ar-condicionado. Sério, tem mais comodidade que isso? <3 O flat ainda conta com uma área de laser incrível com piscinas, espaço infantil e academia. Super indico e já tô pensando na minha próxima viagem para lá!

Processed with VSCO with e1 preset

Processed with VSCO with s3 preset

nobile 4

nobile 3

sp 05

Hospedagem em Sampa

Quem me acompanhou no São Paulo Fashion viu que eu fiquei hospedada no Nobile Suites Congonhas, ele foi minha casa em São Paulo por uma semana <3 O hotel possui serviço, quarto e localização impecáveis, ele fica ao lado do aeroporto de Congonhas, mara né?

A rede Nobile de Hotéis foi fundada em 2008 e atua em hotéis, apart hotéis, resorts, residenciais com serviços, offices, restaurantes, centros de convenções/eventos e multisserviços pay-per-use.

A Nobile Hotéis está presente em diversos destinos brasileiros, operando tanto hotéis voltados para o mercado de viagens de negócios, quanto empreendimentos de convenções e turismo de lazer. Atualmente, é possível encontrar hotéis da Nobile em todas as regiões do Brasil. Você pode conferir qual o Nobile mais perto de você clicando aqui.

IMG_4412

IMG_4754

sp 03

sp 04

O Nobile Suites Congonhas também conta com essa piscina maravilhosa e academia!

Já estou ansiosa para a próxima aventura com o #NobileSuites!